CICLO CORPO CRIATIVO | Notas de Criação #06

© Fernando Alves

6 Março 2022

Os tempos das músicas não encaixam nos tempos do movimento.

Tenho pensado que não chega eles dizerem uma frase sobre si mesmos. Acho que deviam falar por muitos outros, serem uma voz coletiva. Primeiro dizem os seus próprios nomes e as suas frases. Mais tarde voltam, dizendo que se chamam outro nome e acrescentam outra frase (podem dizer o nome dos companheiros de cela e inspirarem-se neles para fabricarem as frases, ou pedir a outros reclusos que digam uma frase, ou pura e simplesmente mais uma frase que os defina).

[…]

7 Março 2022

[…] Hoje fiz uma improvisação sobre a confiança em grupo. Correu muito bem. Com o Sabat Mater de Pergolesi parecia uma nova versão da Pietà. É bonito quando parecem um gang que de repente tem de amparar/proteger um deles.

Olga Roriz

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s